Veja Calendário de Cotas PIS-PASEP 2018

O ano de 2018 começou co algumas boas noticias para os cotista do fundo PIS/PASEP. Veja o calendário do Cotas PIS-PASEP 2018.


Desde o ano passado (2017), o governo federal liberou as cotas do PIS para quem tivesse direito ao saque, além disso ele diminuiu a idade minima para este saque.

O saque passou a ser de 62 anos para mulheres e 65 para homens, logo mais você saberá se tem direito as cotas e o que mudou em 2018. Além de saber o novo calendário de Cotas PIS-PASEP 2017. Antes este saque só era permitido para quem tivesse acima de 70 anos.

Veja também:

Calendário do PIS 2018 (ABONO SALARIAL)

Calendário de Cotas PIS-PASEP 2018

Mudança o saque Cotas do PIS 2018

A mudança para 2018 é que agora a idade minima para o saque foi reduzida, a idade minima tanto para homem ou mulher agora é a partir de 60 anos.

Quem tem direito a Cotas do PIS 2018

Além de saber sobre o calendário do Cotas PIS-PASEP 2018 é bom verificar se tem direito ao beneficio, saiba agora se tem ou não:

Tem direito ao saque de cotas quem trabalhou formalmente até 4 de outubro de 1988 e ainda atende aos requisitos abaixo:
  • Aposentadoria.
  • Falecimento (dependentes podem solicitar o saque da cota).
  • HIV-Aids (Lei 7.670/88).
  • Neoplasia maligna - Câncer (Lei 8.922/94).
  • Reforma militar.
  • Amparo Social (Lei 8.742/93): Amparo Assistencial a Portadores de Deficiência (espécie 87) e Amparo Social ao Idoso (espécie 88).
  • Invalidez (com ou sem concessão de aposentadoria).
  • Reserva remunerada.
  • Idade igual ou superior a 60 anos para homens e para mulheres.
  • For acometido de doenças ou afecções listadas na Portaria Interministerial MPAS/MS nº 2998/2001 (titular ou um de seus dependentes).
  • Morte, situação em que o saldo da conta será pago aos dependentes ou sucessores do titular



Calendário de Cotas PIS-PASEP 2018

O pagamento referente ao Calendário de Cotas PIS-PASEP 2018 começa no dia 22 de janeiro para os correntistas do Banco do Brasil (PASEP) e da caixa Econômica Federal, o valor é depositado na conta. A conta pode ser corrente ou poupança, desde que seja conta individual.

Se não tem conta nestes bancos o saque referente ao Calendário de Cotas PIS-PASEP 2018 inicia-se dia 24 de janeiro.

O governo prevê que neste calendário Calendário de Cotas PIS-PASEP 2018 4,5 milhões sejam beneficiados pelas cotas, injetando na economia cerca de R$ 21 bilhões.

Calendário de Cotas PIS-PASEP 2018 - Como sacar

Quem vai receber até R$ 1,5 mil pode sacar com a senha do cartão Cidadão no autoatendimento da Caixa;
Valores entre R$ 1,5 a R$ 3 mil deve levar o Cartão Cidadão e senha nos caixas de autoatendimento;
Valores acima de 3 mil reais os beneficiários devem ir até a agencia bancária.

Quem possui conta corrente, poupança ou fácil terá o valor depositado na conta.

Como consultar seu saldo

Trabalhadores celetistas vinculados ao PIS devem buscar informações na Caixa. Acesse o link.
Servidores públicos vinculados ao PASEP devem buscar informações no Banco do Brasil. Acesse o link.

Veja se tem direito e faça seu saque!


Share/Bookmark

Calendário do PIS 2018: Valor, pagamento e Direito

O Calendário do PIS 2018 não terá muitas mudanças, como nos outros anos. Saiba aqui todas as informações sobre o pagamento do abono salarial 2018.


Diferentemente dos outros anos, o Calendário do PIS 2018 não sofrerá mudanças nem alterações, o pagamento deve continuar a começar na segunda quinzena de julho de 2018 indo até o mês de março de 2018.

PIS 2018

O PIS 2018 é o abono salarial no valor de até um salário mínimo para quem recebeu até dois salário mínimos em 2017, o equivalente a R$ 1.874,00.

O abono salarial do PIS 2018-2019 como já foi dito não terá muitas mudanças, pelo menos é o que parece.

Terá direito quem recebeu em 2017 até 2 salário minimo, além de outras exigências que ainda vamos falar aqui.

O PIS é um Programa de cunho social com o objetivo de transferir renda ao trabalhadores de baixa renda.
Calendário do PIS 2018

Quem tem direito ao PIS 2018

Tem direito ao PIS 2018 os trabalhadores que estejam dentro das regras relacionadas abaixo:
Ter recebido até dois salários minimo de remuneração média mensal;
Ter trabalhado em 2017 com registro em carteira;
Ter 5 anos de cadastro no PIS/PASEP
Ter trabalhado por pelo menos 30 dias em 2017;
Ter seus dados relacionados na RAIS 2018 e enviado para o Ministério do Trabalho dentro do prazo (obrigatoriedade do empregador).




Se você está dentro destas regras terá direito ao abono salarial 2018 no valor de até um salário mínimo.

A data de pagamento você saberá quando o Calendário do PIS 2018 for devidamente divulgado.


Valor do PIS 2018

O valor do abono varia de acordo com o salário minimo vigente no ano do calendário de pagamento do PIS. 

No calendário do PIS 2018, aqueles que têm direito ao abono salarial irão receber valor de até R$ 954,00 que é valor atual do salário mínimo em 2018.

O valor a receber muda de acordo com a quantidade de meses trabalhados, se trabalhou por 1 mês, vai receber o equivalente a 1/12 do valor do abono.

Confira abaixo a tabela de quantidade de meses trabalhados e o valor a receber:
tabela de valor do PIS 2018

Agora que já sabe o provável valor a receber, vamos falar um pouco do calendário do PIS 2018.

Calendário do PIS 2018

Todos os anos é sempre aquela agonia, curiosidade por parte dos trabalhadores para saber se tem direito ao abono do PIS que pode pagar até um salário mínimo, mas para isso basta verificar se realmente tem direito, leia com atenção o trecho do artigo que fala a respeito e tire suas dúvidas.

O Calendário do PIS 2018 será divulgado o mês de junho, pois é o mês que finaliza o pagamento do abono do ano anterior, apenas depois disso que o calendário do PIS 2018 é amplamente divulgado pela Caixa e Ministério do Trabalho.

Como ainda é cedo para isso podemos dizer somente que o inicio de pagamento continua a ser na segunda semana do mês de julho, e os aniversariares de julho serão os primeiros a receber.

Fique atento às nossas informações no site e siga nossa fanpage no Facebook para ficar atento a todas as novidades.

Como Sacar

Para sacar o PIS 2018, deve verificar o dia exato que estará na tabela de pagamento e terá quatro opções para saque:
  1. Nos caixas de autoatendimento da CEF;
  2. Nas Lotericas
  3. Nos Correspondentes Caixa Aqui;
  4. Nos Caixas dentro das agencias da Caixa.
Se tiver o Cartão Cidadão poderá usar as três primeiras opções, caso não possua ainda o cartão, terá que ir até um caixa da agencia e levar os documentos necessários para o saque.


Documentos necessários;

Numero do PIS
Documento com foto

Como consultar o PIS 2018

Uma coisa muito importante e que poupa tempo é fazer a consulta do PIS antes de se dirigir a agencia para efetuar o saque, pela consulta poderá saber se tem direito ou se tem algo de errado, pois muita gente está enquadrado nas regras, mas na hora da consulta, consta que não tem valor a receber e ai gera milhares de dúvidas.

Vamos ver aqui quatro opções para consultar o PIS 2018


1. Consultar pela internet

O cidadão ao saber que tem direito, ou seja, estiver dentro das regras estabelecidas pelo programa social do PIS, deve fazer a consulta, que pode ser pela internet no link abaixo:
Informe o número do seu NIS, PIS ou PASEP e a senha, caso não tenha, faço cadastro dela neste mesmo link.

Nesta consulta será informado se tem valor a receber e a quantia

Outra maneira de consultar também pode ser:

2. Consultar Pelo Telefone:

Essa costuma ser a forma que aparentemente possa parecer mais rápido, se der sorte, sim, caso contrário terá que aguardar o atendimento, para fazer a consulta pelo telefone, basta ligar para o número  0800 726 0207.

Uma outra forma é pelo aplicativo.

3. Aplicativo Caixa Trabalhador

No Aplicativo Caixa Trabalhador, você pode fazer a consulta do PIS, do Abono Salarial e do Seguro-Desemprego, tem acesso também ao o calendário de pagamentos 2018, consulta as parcelas liberadas e ainda tira dúvidas. 

Para isso baixe o aplicativo no seu celular, pesquise pelo nome (Aplicativo Caixa Trabalhador).

Outra maneira que é menos usada é através das redes sociais.

4. Redes Sociais

Acesse a a pagina oficial da Caixa no Facebook e obtenha informação (https://www.facebook.com/caixa)
Na pagina do Ministério do Trabalho também poderá consultar (https://www.facebook.com/ministeriodotrabalho/)

Saque das Cotas do PIS

Tem direito as Cotas do PIS todo aquele que foi empregado que foi cadastrado no programa entre 1971 a 1988 e ainda não fizeram o saque das Cotas.

As datas de saques começam assim que o calendário estiver disponível, no caso das Cotas, o pagamento independe do mês de nascimento.

Para sacar as Cotas do PIS, os cotistas devem atender aos seguintes requisitos

  • Aposentadoria;
  • Idade igual ou superior a 60 anos;
  • Invalidez (do participante ou dependente);
  • Transferência para reserva remunerada ou reforma (no caso de militar);
  • Idoso e/ou portador de deficiência alcançado pelo Benefício da Prestação Continuada;
  • Neoplasia Maligna - Câncer - (participante ou dependente);
  • SIDA/AIDS (do participante ou dependente);
  • Doenças listadas na Portaria Interministerial MPAS/MS 2.998/2001 (participante ou dependente);
  • Morte do participante (situação em que o saldo da conta será pago aos dependentes ou sucessores do titular).
  • Uma vez comprovado um dos requisitos, o pagamento das Cotas do PIS pode ser realizado a qualquer tempo, exceto para os motivos idade, cuja data para saque será divulgada em breve.

Share/Bookmark

➡Bolsa Família 2018, Calendário e pagamento

O Bolsa Família 2018 terá na verdade chegará com uma redução de mais de 350 mil famílias beneficiadas que perderam o direito ao beneficio do Bolsa Família, apesar do governo federal que dito que zerou por três vezes a fila de espera do beneficio.



Portanto, é bom ficar bem atento as mudanças no Bolsa Família 2018, acompanhar o calendário, as datas de pagamento e o extrato do Bolsa Família 2018.

Bolsa Família 2018


Importância do Extrato Bolsa Família 2018

Todo beneficiário do Bolsa Família deve ficar atento a seu extrato, pois nele vem informações importantes. O Extrato passa a informar data do próximo pagamento, comprovante de saque do Bolsa Família também traz mensagens específicas para o beneficiário, como por exemplo, quando há necessidade de atualizar informações cadastrais.

Quem tem direito ao Bolsa Família 2018?

Para ter direito ao Bolsa Família 2018, as famílias devem atender alguns requisitos básicos. Como o Bolsa Família é um programa de transferência de renda ele tem como objetivo atingir familias em situação de extrema pobreza, por isso existem alguns condições para ter acesso a este beneficio em 2018, veja quais são:
É destinado a todas a famílias com renda por pessoa de até R$ 85,00
E para famílias que tenham crianças e adolescentes de 0 a 17 anos com renda por pessoas entre R$ 85,01 a R$ 170,00.



Ao entrarem no programa, os beneficiários recebem o dinheiro mensalmente e, como contrapartida, cumprem compromissos nas áreas de saúde e educação.

Bolsa Família 2018, Calendário e pagamento

O calendário do Bolsa Família 2018 será divulgado em dezembro de 2017, o pagamento é feito todos os meses de acordo com o numero final do NIS do beneficiário que consta no Cartão do Bolsa Família.

Se por exemplo seu cartão tem numero final do NIS 4, o pagamento ocorrerá a partir do quarto dia do calendário oficial. 

O beneficio do Bolsa Família fica disponível por 3 meses (90) dias a contar da data no calendário de pagamento, o beneficio de março, pode ser sacado até junho e assim sucessivamente.

O calendário de pagamento do Bolsa Família 2018 foi disponibilizado, para saber mais sobre este e outro benefícios sociais curta nossa fanpage no Facebook.

Veja agora o calendário do Bolsa Família 2018, confira todas as datas de pagamento do seu beneficio social. Acompanhe as datas de pagamento até 22 de dezembro.

Deixe sua opinião ou comentário.

Share/Bookmark

Como Requerer Seguro Desemprego pela internet

Como requerer Seguro Desemprego Pela Internet, veja como fazer a solicitação online, pelo computador, saiba como funciona, siga o nosso passo a passo.


Agora já é realidade! O seguro desemprego já pode ser solicitado pela internet, sem a necessidade de ir até um posto do SINE para fazer este atendimento.

Para solicitar o seguro desemprego antes era necessário agendar pela internet uma data para ir ao SINE e preencher um formulário e anexar toda documentação necessária, este atendimento durava no mínimo 15 minutos. Só depois de ir até a uma agencia do SINE, o prazo de 30 dias começava a ser contado para receber as parcelas do seguro desemprego.


Mudança na solicitação

Agora o caminho para ter acesso ao benefício será mais curto, com a mudança que entrou em vigor a partir do mês de novembro/2017, o trabalhador desempregado, deve pegar a documentação para o seguro desemprego e fazer de imediato a requisição do seguro desemprego pela internet.

Será preenchido um formulário online e partir daí, estando tudo certo, o prazo de 30 dias começa a ser contado, portanto não existe mais a etapa de agendamento, o trabalhador ganhar muitos dias, pois ele vai requerer seguro desemprego pela internet.
Como Requerer Seguro Desemprego Pela Internet

O Trabalhador ainda deve ir ao SINE?

A resposta a esta pergunta é sim!

O trabalhador ainda tem que comparecer ao SINE, pois ele já preencheu o formulário para requerer seguro desemprego pela internet, já encurtou uma etapa um pouco demorada. A ida dela ao SINE é para evitar fraudes, portanto este atendimento deve ser rápido, pois ele já preencheu o requerimento no computador.


Como Requerer Seguro Desemprego pela internet – passo a passo

Para fazer a solicitação do seguro desemprego online, ou seja, pela internet, o trabalhador deve acessar o seguinte endereço eletrônico:
https://empregabrasil.mte.gov.br/

Este link é do Emprega Brasil, que é o novo portal do Governo Federal que oferece diversos serviços para os trabalhadores, como: requerimento do seguro desemprego, vagas de emprego, vagas de cursos de qualificação e outros serviços não só para o cidadão, como para as empresas.



Cadastro no Emprega Brasil

Antes de mais nada, tanto para requerer seguro desemprego pela internet, quanto para outros serviços, será necessário fazer o cadastro no site:
https://empregabrasil.mte.gov.br/
Clique em "cadastrar", conforme imagem abaixo:

Após clicar em cadastrar abrirá uma tela com acesso ao cidadão.br, onde deverá preencher com todos os dados solicitados, esta ferramenta é a que autentica o trabalhador no site.

Preencha todos os dados solicitados, assim que preencher e se as informações estiverem corretas, o trabalhador será direcionado a uma pagina com 5 perguntas sobre seu istorico de trabalho, onde deverá acertar pelo menos 4 das 5. Para respondera este questionário tenha em maos a Caryeita de Trabalho. Estando as respostas corretas, o trabalhador receberá uma senha que deverá trocar no primeiro acesso.

Se não acertar o minimo de 4 perguntas, deverá então aguardar 24 horas para tentar novamente ou entrar em contato no auxilio do INSS no numero 135

Ao finalizar o cadastro, o trabalhador terá acesso aos serviços do Emprega Brasil. Uma das opções será “Solicitar Seguro-Desemprego”


Ao clicar em "Solicitar Seguro Desemprego"será direcionado automaticamente para a próxima pagina.

Veja quais as paginas a serem preenchidas aqui abaixo:
Nesta tela já vem com os dados do Requerimento, portanto, olhe com bastante atenção e se algum dado estiver incorreto , procure um posto de atendimento.
A próxima pagina (2) será de dados do querente.

A pagina 3 é sobre "Formação", nela poderá informar seus dados sobre qualificação acadêmica e profissional, informações importantes para que o sistema busque vagas de emprego em sua área de atuação ou de experiencia.
Continue preenchendo com as informações solicitadas até chegar em "vagas de emprego" que o programa relaciona automaticamente.
Depois abre uma tela para para agendamento de vagas de emprego e agendar entrevista.

Pode ainda se inscrever em curso de qualificação.
No final, basta confirmar em solicitar o benefício do Seguro Desemprego:

Agende atendimento presencial para confirmar o cadastro e aguardar a liberação das parcelas, o que deve ocorrer 30 dias após o preenchimento do documento pela internet.

Caso a data para o atendimento presencial ultrapassar o prazo de 30 dias, a emissão da parcela ocorrerá na semana seguinte ao atendimento.

Conclusão

Agora que já sabe Como Requerer Seguro Desemprego pela internet, também notou que ficou mais fácil essa solicitação, que antes poderia demorar para agendar apenas para fazer este formulário, agora está disponível na internet. 

Sendo assim, a tecnologia está a cada dia se tornando mais uma aliada nos serviços voltados ao cidadão na hora de ir atras de seus direitos.


Share/Bookmark

Governo ameaça acabar com abono PIS-PASEP

Governo ameaça acabar com abono PIS-PASEP - Será o fim do abono salarial PIS-PASEP? Quem sabe...podemos esperar qualquer coisa se a Reforma Previdenciária não for aprovada.


Saiba mais sobre esta notícia sobre acabar com abono PIS-PASEP.

O que é o abono

O abono salarial do PIS/PASEP no valor de até um salário mínimo do ano vigente vem sendo pagos a todos os trabalhadores, que cumprem todos os requisitos que logo falaremos, desde a década de 90.
De lá para cá aconteceram algumas mudanças, a principal dela que começou a vigorar em 2016 é que o trabalhador passou a receber o valor proporcional ao tempo de trabalho.

Antes bastava ele ter trabalhado no ano-base por 30 dias e já teria direito o valor integral de um salário mínimo, depois de 2015, a regra mudou e começou a vigorar a nova regra do PIS, onde o trabalhador iria receber proporcional a quantidade de meses trabalhados, assim como no cálculo do décimo terceiro salário.

Quem é beneficiado com o abono?

Este abono do PIS/Pasep, beneficia trabalhadores de baixa renda, que recebem até dois salários mínimos de media durante o período trabalhado.

Governo ameaça acabar com abono PIS/Pasep

Como já foi dito anteriormente, este dinheiro extra que anualmente o trabalhador recebe, desde que tenha direito. O Ministro da Fazenda. Henrique Meirelles, fez esta emaça para pressionar os deputados a aprovar Reforma da Previdência.



De acordo com o ministro, o governo deve adotar, como uma das primeiras medidas alternativas para conter gastos, acabar com o abono salarial que custa à União cerca de R$ 20 bilhões por ano.
"Esse terrorismo do governo não é de hoje. Ao invés de executar os grandes devedores da Previdência, como JBS, bancos e até estatais, o governo quer fazer o trabalhador pagar essa conta", criticou um senador da oposição.
Governo ameaça acabar com abono PIS-PASEP
Meme do Henrique Meirelles, Ministro da Fazenda 
 Aproveitamos o assunto sério e fizemos um meme, pois é exatamente isso que passa na cabeça dele.

Quem tem direito ao abono salarial de até um salário mínimo?

Tem direito a receber este abono todo trabalhador que já tem 5 anos de cadastro no PIS/PASEP, tanto da iniciativa privada (PIS), quanto do serviço público (PASEP). Além de ter média de remuneração mensal de até 2 salário mínimos referentes ao ano-base.


O trabalhador também deve ter seus dados informados na RAIS e enviados ao Ministério do Trabalho dentro do prazo estipulado em portaria. Essa é uma função do empregador, caso ele não faça o trabalhador deixa de receber o abono.

Será mesmo que vai acabar com o abono PIS/PASEP?

Por enquanto foi uma hipótese levantada pelo Ministro da Fazenda na tentativa de pressionar o Congresso a aprovar a Reforma, mas é bom todos ficarem atentos e bem informados sobre este assunto.

Esta hipótese por si só já é algo grave e que mexe com milhões de trabalhadores.

Portanto, fiquem bem atentos as nossas informações, curta nossa fanpage e deixe seu comentário aqui, sobre o que acha desta ameaça acabar com abono PIS-Pasep.

Share/Bookmark

Décimo terceiro e PIS

Décimo terceiro PIS - Após liberado o calendário atualizado do PIS (Programa de integração Social), os trabalhadores correm para as agências da Caixa Econômica para consultar o seu saldo, quem já tem uma experiência maior com a tecnologia, consulta através da internet ou pelo próprio smartphone.


O programa de integração social está disponível para todos os trabalhadores que estão dentro dos requisitos, uma dessas exigências é a média salarial recebida pelo cidadão. Esse artigo tem como finalidade explicar passo a passo como o Décimo Terceiro poderá influenciar no recebimento do PIS.

O que é PIS?


O PIS (programa de integração social) é o benefício concedido anualmente para o trabalhador brasileiro que estão dentro de todos os requisitos. Esse benefício pode chegar até 1 salário mínimo.

O PIS é gerido pela Caixa Econômica Federal, diferente do PASEP, que é gerido pelo Banco do Brasil e destinado para os servidores públicos.

PIS e PASEP requer os mesmos requisitos e os valores pagos são iguais.


Como sacar o PIS PASEP?


O PIS é pago de acordo com o calendário. Os valores são repassados com base no mês de nascimento de cada trabalhador que estão dentro dos requisitos mínimos para recebimento.

Veja aqui -> Calendário do PIS 2017/2018

Há três opções para recebimento do abono salarial: No cartão cidadão, na conta corrente ou poupança da Caixa ou diretamente no Caixa de atendimento Caixa Econômica.

Fique atento: para receber o valor no cartão da Caixa econômica é necessário ter pelo menso R$ 1,00 de saldo em conta.



Quem tem direito ao PIS?


Veja atentamente os requisitos do PIS e como o décimo terceiro poderá influenciar no recebimento do abono salarial.

Décimo terceiro e PIS

  • Ter pelo menos 5 anos de cadastro no PIS;
  • Ter recebido uma média salarial de até 2 salários mínimos no ano anterior ao do pagamento (entenda como o décimo terceiro poderá impedir de receber o PIS);
  • Ter trabalhado por pelo menos 30 dias no ano anterior ao do pagamento;
  • Ter a RAIS enviada dentro do prazo;
  • O pagamento do PIS é proporcional ao tempo trabalhado no ano anterior ao do pagamento.


Décimo terceiro e PIS


Sabendo que a regra é clara: Ter recebido uma média salarial de ATÉ dois salários mínimos, o cidadão que recebeu durante todos os meses mais de dois salários mínimos, não poderá receber o PIS, pois ultrapassou a média salarial citada acima.

Entenda como funciona a média salarial do PIS:


O trabalhador recebeu durante 9 meses os seguintes valores:

R$ 1.200,00 - R$ 1.400,00 - R$ 980,00 - R$ 1.100,00 - R$ 2.000,00 - R$ 1.800,00 - R$ 1.700,00 - R$ 1.500,00 - R$ 1.400,00.

A soma desses valores é igual a: R$ 13.080,00

Para chegar a média salarial, o trabalhador deverá somar todo o valor e dividir pela quantidade de meses trabalhado.

R$ 13.080,00 / 9 = R$ 1.453,00

Ou seja, com o salário mínimo atual, o trabalhador poderá receber o PIS normalmente.

E com o décimo terceiro?


Caso o trabalhador receba o décimo terceiro com essa média que foi encontrada acima, o mesmo poderá receber normalmente o PIS, pois não passará de dois salários mínimos no cálculo.

Para isso, soma-se todos os valores dos 9 meses trabalhados + o valor do décimo e divide pela quantidade de meses trabalhado.

Em resumo, o Décimo terceiro poderá influenciar diretamente no recebimento do PIS.


Share/Bookmark

Progredir, o que é e como funciona

Progredir, o que é e como funciona  - Sabendo que o desemprego no Brasil vem crescendo a cada dia, os brasileiros procuram diversos meios de trabalho para levar o pão para casa.



A falta de capacitação é um dos pontos principais para impedir o cidadão de entrar no mercado de trabalho, pensando nesse fato, o Governo Federal lançou o programa Progredir.

Veja também


Com o intuito de capacitar e emancipar financeiramente famílias que fazem parte do programa Bolsa Família e que estão devidamente inscritos no Cadastro único, o Progredir veio para mudar a vida dos brasileiros, capacitando-os para o mercado profissional.

O que é Progredir?


O programa Progredir é voltado para capacitação do individuo, incentivando o empreendedorismo e facilitando a entrada do cidadão no mercado de trabalho, uma vez que há capacitação, esse entrada se torna mais fácil.


A intenção é combater o desemprego que vem crescendo no país e capacitar as pessoas com informações para empreendedorismo individual. Após o programa Progredir, espera-se que a economia no pais volte a se tornar estável, pois a expectativa é o crescimento das empresas e o surgimento de novas.

O Governo disponibilizará R$ 3 bilhões anual em forma de microcrédito para que seja investido em pequenos negócios (esse crédito será disponibilizado para participantes do programa Progredir).

Progredir e Bolsa Família


O Programa progredir veio para tirar as famílias das situações caóticas que podemos observar diariamente em diversas partes do país. A ideia principal é que os beneficiários do programa Bolsa Família tenham renda suficiente para não depender mais desse benefício social.

Qual o valor do programa Progredir?


O programa Progredir não é mais um benefício social como o Bolsa Família (programa voltado para famílias que encontram-se em estado de pobreza ou extrema pobreza).



Ele não pagará valores periódicos para os cidadãos escritos, mas trará a capacitação, e essa capacitação valerá mais do que os valores pagos pelo Bolsa Família, já que o cidadão pode se tornar um empreendedor e ter lucros inimagináveis para quem recebia o Bolsa Família.



Quem tem direito ao Programa Progredir?


O Programa Progredir é um plano de ações do Governo Brasileiro voltado para gerar emprego e renda, capacitar o cidadão, dando-lhe autonomia suficiente para abrir empresas e gerir os seus próprios negócios. Esse programa só está disponível para as pessoas que estão inscritas no Cadastro Único e para os beneficiários do Programa Bolsa Família.

Se por algum motivo o cidadão não estiver cadastrado no Bolsa Família ou no Cadastro Único, esse processo poderá ser realizado no CRAS (Centro de referência e assistência social) do município residente, para posteriormente fazer parte do programa.

Saiba mais sobre o aqui >  Cadastro Unico

Como participar do Programa Progredir?


Participar do Programa Progredir é fácil, já sabemos que é necessário fazer parte do Bolsa Família ou ter dados atualizados no Cadastro Único. O segundo passo é entrar na plataforma do Progredir e escolher a opção desejada:
  • Elaboração de currículo;
  • Cursos profissionalizantes;
  • Incentivo para microempreendedor.
O acesso à plataforma é feito através deste link.

O Cadastro no Progredir é feito por aqui. Após acessar esse link, basta preencher com o seu CPF e estado onde reside. Após colocar o CPF e estado, uma próxima tela será exibida, pedindo mais informações (e-mail, nome, data de nascimento, áreas de interesse).

Esse é mais um programa do Governo Federal, voltado para as pessoas de baixa renda.


Share/Bookmark

PIS PASEP PELO CPF

PIS PASEP PELO CPF - A cada ano a busca ou consulta pelo PIS fica mais simples e fácil, há anos anos era difícil fazer esta consulta.


Você teria que se dirigir até uma agencia da Caixa no caso do PIS ou do Banco do Brasil no caso do PASEP,  isso se a anotação não estivesse na Carteira de Trabalho. Antes também existia um cartão do PIS, agora ele foi substituído pelo Cartão do Cidadão, onde além de conter o numero do PIS, você também pode usa-lo para fazer saques de benefícios sociais, entre outras coisas.

Veja AQUI tudo sobre como fazer o Cartão Cidadão, para que serve, como usa-lo, clique abaixo e saiba mais:

Saiba AGORA⇒ Como Fazer o Cartão do Cidadão
PIS PASEP PELO CPF

PIS PASEP PELO CPF 

Saiba aqui de maneira simples e rápida como fazer esta consulta do PIS PASEP PELO CPF, que antes era bem difícil, você teria que entrar no site do Dataprev e preencher com informações, como se fosse faze um cadastro para o INSS, isso somente para descobrir numero e saber se teria direito ou não ao PIS/PASEP.

Acesse o link http://verificasd.mtb.gov.br/abono/ e preencha com seu numero de CPF ou PIS  e a data de nascimento, depois clique em "Consultar".

Depois disso você saberá se tem direito ou não e o valor a receber!



Como saber se tenho direito ao abono?

Muitas pessoas pesquisam pelo termo PIS PASEP pelo CPF, neste caso querem consultar o PIS/PASEP para saber quanto vai receber, mas antes disso deve saber se tem direito, para isso deve saber quais são os critérios para receber o valor de até um salário minimo anual.



Veja abaixo quais são estes critérios, e se você tem certeza que se enquadra neles pode fazer a PIS PASEP pelo CPF, conforme orientamos acima.

Para ter direito, o trabalhador precisa:


  1. Estar cadastrado no PIS/PASEP há pelo menos cinco anos;
  2. Ter recebido remuneração mensal média de até dois salários mínimos durante o ano-base;
  3. Ter exercido atividade remunerada, durante pelo menos 30 dias, no ano-base considerado para apuração;
  4. Ter seus dados informados pelo empregador (Pessoa Jurídica) corretamente na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS).

Se está enquadrado nestes 4 pontos acima, então tem direito, mas fique atento, principalmente a entregada RAIS que a entrega depende do empregador, que em muitas vezes atrasa o envio, coloca informações incorretas ou simplesmente não envia e isso ocasiona no não recebimento do abono salarial do PIS. É importante que se faça a Consulta RAIS Trabalhador, assim, você saberá se foi entregue ou não.

Share/Bookmark

Calendário Saldo de Quotas PIS-PASEP

Calendário Saldo de Quotas PIS-PASEP visa organizar o pagamento a todos que tenham direito, o saque do saldo de contas do PIS-PASEP.



Desde a edição da Medida Provisoria 797/17 de 23 de agosto de 2017 onde faz algumas alterações que veremos a seguir.
Calendário Saldo de Quotas PIS-PASEP


O que são o Saldo de Quotas (Saldo de contas do PIS)

As Quotas do PIS-PASEP são o resultado dos créditos depositados pelo seu empregador no Fundo PIS/PASEP, entre os anos de 71 a 88.

Você, que trabalha ou já trabalhou em empresa privada ou órgão publico, cadastrado no PIS-PASEP até 04/10/1988, que ainda não tenha feito o saque total do saldo após esta data, tem direito a receber Quotas do PIS

Saiba mais:
Saque de contas do PIS-PASEP para idosos
Quem tem direito a sacar as quotas do PIS-PASEP?
Calendário do PIS-PASEP 2017-2018

Medida Provisoria MP 797/17

A Medida Provisória 797/17 de 23 de agosto de 2017 que libera o saque de contas do PIS/Pasep para homens a partir de 65 anos e mulheres a partir dos 62 anos de idade. Antes da MP, os recursos só podiam ser sacados quando a pessoa completasse 70 anos, conforme uma resolução do Conselho Diretor do Fundo PIS-PASEP.



Com a Medida Provisória, a partir de outubro de 2017, o público que poderá sacar suas cotas pelo critério de idade corresponderá a, aproximadamente, 8 milhões de cotistas, com potencial de desembolso próximo de R$ 15,9 bilhões, segundo dados da Caixa e do Banco do Brasil. A expectativa é que cerca de 5 milhões de homens e 3 milhões de mulheres sejam atendidos.


Calendário Saldo de Quotas PIS-PASEP 

Calendário Saldo de Quotas PIS-PASEP foi divulgado, veja abaixo o calendário de saques. Para os beneficiários que recebem por crédito em conta, os valores serão creditados dois dias antes do calendário acima.

Valor médio varia entre 1.200 e 700 reais.

Calendário de Saques



O crédito será feito de forma automática para quem tem conta nos dois bancos. O beneficiário poderá pedir a transferência do valor para outro banco. Em caso de morte do titular da conta do PIS/PASEP (Como sacar quotas do PIS de pessoa falecida?), o saldo será disponibilizado para seus dependentes.

Se quer saber mais sobre o Calendário Saldo de Quotas PIS-PASEP siga nossa pagina no Facebook 👉Consultar o PIS

Share/Bookmark

Como sacar Quotas do PIS de pessoa falecida?

Como sacar Quotas do PIS de pessoa falecida? Essa é umas das dúvidas mais recorrentes em qualquer tipo de beneficio, as pessoas têm muitas dúvidas para saber como fazer determinado saque, de de terminado beneficio da pessoa falecida.


Aqui vamos falar especificamente sobre Como sacar Quotas do PIS de pessoa falecida, já que este assunto será bem buscado pelas pessoas e na hora da dúvida, quero que encontre aqui as melhores respostas, de maneira simples e pratica.
Como sacar Quotas do PIS de pessoa falecida?

Como sacar Quotas do PIS de pessoa falecida?

Neste caso estamos falando PIS, mas a documentação também é valida para o PASEP, o familiar responsável deve comparecer a uma agencia da Caixa (PIS) ou Banco do Brasil (PASEP) com os seguintes documentos:



  1. Documento de identificação pessoal válido.
  2. Certidão ou declaração de dependentes habilitados à pensão por morte expedida pelo INSS, ou
  3. Atestado fornecido pela entidade empregadora (no caso de servidor público) ou
  4. Alvará judicial designando o sucessor/representante legal e Carteira de Identidade do sucessor/representante legal (na falta da certidão de dependentes habilitados), ou
  5. Formal de Partilha/Escritura Pública de Inventário e partilha.
  6. Comprovante de inscrição PIS/PASEP (opcional — caso os dados apresentados não permitam a identificação da conta PIS/PASEP).
  7. Documento de identificação do sacador.


Sobre o saque do Saldo de Quotas

Diante da nova Medida Provisória adotada pelo Governo Federal, sob numero 797/17, (Saiba mais no artigo quem tem direito ao a sacar as quotas do PIS-PASEP) onde reduz a idade para 65 anos pata homens e 62 para mulheres para efetuarem o saque do saldo de quotas do PIS, desde que obedeçam os critérios de ter sido inscrito no Fundo PIS-PASEP até 04 de outubro de 1988 e que não tenha sacado o saldo de suas contas individuais. 

Share/Bookmark

Quem tem direito a sacar as quotas do PIS/Pasep?

Quem tem direito a sacar as quotas do PIS/Pasep?

Quem foi cadastrado no PIS até 4 de outubro de 1988, caso ainda não tenha efetuado o saque, pode solicitar o pagamento exclusivamente em uma Agência da CAIXA.

Conforme a Medida Provisoria 797/2017 onde reduz a idade para saque do saldo das quotas do PIS-PASEP.

Veja quais as mudanças no 👉 saque de contas do PIS-PASEP



Como saber se existe saldo junto ao Fundo PIS/PASEP?

O saque pode ser solicitado a qualquer tempo, independente do calendário de pagamento do Abono Salarial e dos Rendimentos do PIS, por um dos eventos previstos na legislação:

Só possuem saldos em contas individuais do Fundo PIS/PASEP aqueles trabalhadores que tenham contribuído para o PIS ou para o PASEP até 04 de outubro de 1988 e não tenham efetuado o resgate total de seus saldos. Os trabalhadores da iniciativa privada nessas condições devem procurar a Caixa Econômica Federal (agente operador do PIS) para informações sobre saldos, enquanto que os servidores públicos devem se dirigir ao Banco do Brasil (agente operador do PASEP) para obter essa informação.

Quem tem direito a sacar as quotas do PIS/Pasep

Eventos previstos na legislação para saque das quotas do PIS

  • Aposentadoria;
  • Reforma militar;
  • Invalidez permanente;
  • Transferência de militar para a reserva remunerada;
  • Portador do vírus HIV(AIDS/SIDA);
  • Neoplasia maligna (câncer) do titular ou de seus dependentes;
  • Morte do trabalhador;
  • Benefício assistencial a idosos e deficientes.



O pagamento pode ser realizado, em casos excepcionais, em até cinco dias úteis após a solicitação. A pessoa cadastrada receberá a atualização monetária e a parcela de rendimentos do PIS não retirada no correspondente período de pagamento. A atualização do saldo de quotas é efetuada anualmente, ao término do exercício financeiro (1 de julho a 30 de junho do ano seguinte), com base nos índices estabelecidos pelo Conselho Diretor do Fundo de Participação PIS/Pasep.

Curta a fan page para mais informações



Documentação necessária para saque

Para o saque é necessário apresentar o número do PIS, um documento de identificação e a documentação específica de comprovação do evento de saque.
  • Documentos de Identificação
  • Carteira de identidade;
  • Carteira de Habilitação (modelo novo), observado o prazo de validade, se houver;
  • Carteira Funcional reconhecida por Decreto;
  • Identidade Militar;
  • Carteira de Identidade de Estrangeiros;
  • Passaporte emitido no Brasil ou no Exterior;
  • CTPS
Para mais informações acesse (http://www.caixa.gov.br/voce/Social/Beneficios/Pis/quotas.asp#)


Share/Bookmark

Saque de contas do PIS-PASEP para idosos

Saque de contas do PIS-PASEP para idosos vai estar disponível a partir de outubro. Essa é mais uma maneira do governo colocar dinheiro na economia que ainda está parada.


Entre os meses de março e julho o governo federal, liberou o saldo de contas inativas do FGTS para quem tivesse sido dispensado por justa causa. Agora é a vez do saque de contas do PIS-PASEP para idosos.

Saiba aqui quem tem direito, datas de pagamento e calendário ao Saque de contas do PIS-PASEP para idosos.
Saque de contas do PIS-PASEP para idosos


Quem pode fazer Saque de contas do PIS-PASEP ?

Poderá fazer os saques atualmente  aqueles que se enquadrem nos seguintes casos:

  • Aposentadoria;
  • Idade igual ou superior a 70 anos;
  • Invalidez (do participante ou dependente);
  • Transferência para reserva remunerada ou reforma (no caso de militar);
  • Idoso e/ou portador de deficiência alcançado pelo Benefício da Prestação Continuada;
  • Participante ou dependente acometido por neoplasia maligna, vírus HIV ou doenças da Portaria Interministerial MPAS/MS nº 2998/2001;
  • ou morte, situação em que o saldo da conta será pago aos dependentes ou sucessores do titular.




Qual idade para ter direito ao saque?

65 anos para homens e 62 anos para as mulheres.

Qual valor do saque?

O valor médio dos cotistas é de quase R$ 1.200, mas a maioria tem saldo de R$ 750,00. O valor do saque vai alcançar cerca de 8 milhões de pessoas. O valor a ser injetado na economia beira os R$ 16 bulhões de reais.

Como será feito o saque?

O Saque de contas do PIS-PASEP para idosos será de forma automática para quem tem conta na Caixa Econômica Federal (PIS) e no Banco do Brasil (PASEP).

Calendário de Saque de contas do PIS-PASEP para idosos

Como já falamos anteriormente o calendário será divulgado em breve e o pagamento começará a ser feito em outubro.

Como saber se tem saldo de contas do PIS-PASEP?

Para saber é necessário procurar a Caixa Econômica para aqueles que tem PIS e o Banco do Brasil para quem tem PASEP, para os cotista falecidos, os herdeiros poderão efetuar o saque.



Atualmente, os trabalhadores têm direito ao abono salarial e rendimentos do PIS/PASEP desde que cadastrados como participantes dos fundos até 4 de outubro de 1988 e não tenham sacado o saldo.

Conclusão

Agora é a vez dos idosos sacarem o saldo de contas do PIS-PASEP, este valor visa aquecer a economia. Como o calendário ainda não foi divulgado pelo governo federal, acompanhe o blog e curta a pagina no Facebook para saber, assim que for divulgado. Curta 👉 (Consultar o PIS)


Share/Bookmark

CadUnico 2018, cadastro e inscrições

O CadUnico 2018 ou Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (Cadastro Único) é um instrumento que faz a identificação e caracterização das famílias de baixa renda.


Com isso o Governo Federal tem condições de conhecer mais profundamente a realidade da população de baixa renda com acesso a informações, tais como:

• Identificação de cada pessoa
• Nível de escolaridade
• Características da residência
• Situação de trabalho e renda

Objetivos do CadUnico 2018

CadUnico 2018

O principal objetivo desse instrumento, além de conhecer essa população, é o de fazer a inclusão destas famílias nos programas federais. Esse instrumento é obrigatório, por exemplo, para a concessão dos benefícios:

  • Programa Bolsa Família
  • Programa Minha Casa, Minha Vida
  • Bolsa Verde – Programa de Apoio à Conservação Ambiental
  • Programa de Erradicação do Trabalho Infantil – PETI
  • Fomento – Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais
  • Carteira do Idoso;
  • Aposentadoria para pessoa de baixa renda;
  • Programa Brasil Carinhoso;
  • Programa de Cisternas;
  • Telefone Popular;
  • Carta Social;
  • Pro Jovem Adolescente;
  • Tarifa Social de Energia Elétrica;
  • Passe Livre para pessoas com deficiência;
  • Isenção de Taxas em Concursos Públicos.




O CadUnico 2018 também pode ser usado para outros programas ofertados em nível estadual e municipal. O Decreto que regulamenta o CadUnico é o de nº 6.135, de 26 de junho de 2007.

Veja também:



CadUnico - Como se cadastrar

Para se cadastrar é necessário que uma pessoa da família seja responsável por todas as informações. Essa pessoa é chamada de RF (Responsável pela Unidade Familiar), deve ter pelo menos 16 anos e, preferencialmente, ser mulher.

O Responsável Familiar (RF) deve garantir as informações e atualizá-las sempre que necessário (quando houver qualquer mudança), e ainda apresentar obrigatoriamente CPF ou Título de Eleitor. No caso de um RF de família Indígena, este poderá apresentar o Registro Administrativo de Nascimento Indígena (RANI). Os Quilombolas também podem apresentar outros documentos sem obrigatoriedade de ser CPF ou Título de Eleitor.

Onde se cadastrar

As inscrições para o CadUnico 2018 são geralmente realizadas no CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) da sua cidade. Caso não seja feito lá, certamente o CRAS saberá informar a localização do setor responsável.

Documentos obrigatórios

O Responsável Familiar deve apresentar pelo menos um dos documentos abaixo de cada pessoa da família:
• CPF
• (RG)
• Certidão de Nascimento
• Certidão de Casamento
• Carteira de Trabalho
• Título de Eleitor.
Outros documentos para complementar não obrigatórios)
• Comprovante de matrícula escolar de crianças e jovens até 17 anos
• Comprovante de endereço

Pessoas sem documento

Caso alguém da família não tenha nenhum documento será orientado em como tirar o documento do membro familiar para que possam ser completadas as informações e finalizada a inscrição. E só assim terá o direito aos programas sociais.

O Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) possui uma ouvidoria para reclamações. O telefone é 0800 707 2003 (opção 5). Neste número podem ser feitas reclamações de atendimento, denunciar se algum setor de não quis realizar o cadastramento, entre outras.


Share/Bookmark
SITE NÃO OFICIAL: Aqui você encontra tudo sobre o PIS e informações sobre benefícios sociais.